segunda-feira, 26 de julho de 2010

MÁGOA


A primeira coisa que quero considerar é o fato de que só é possível se magoar, ou, magoar alguém, se já houver uma ferida. Pessoas se magoam porque tem ferida, ou feridas.

A mágoa também pode ser comparada a um defunto, porque é algo que pertence ao passado. E por ser um defunto, também é uma coisa inútil, porque já aconteceu. De que lhe serve um defunto? O que você fará àquilo que já passou?

Veja, a mágoa é algo inútil, e por ser assim, não é mais que um peso desnecessário no presente. Quem carrega um peso inútil, poderá ser chamado de pessoa inteligente?

Você diz: eu não vou perdoar fulano por aquilo que ele me fez. Aí eu pergunto: Como está vivendo o fulano? A resposta é: Ele está vivendo maravilhosamente bem!

Entenda: o fato de você não perdoar tal pessoa, só prejudica você! Isso é a mesma coisa que você tomar veneno e esperar que ela morra envenenada.

Esqueça a mágoa, esqueça o passado, esteja no presente. O presente é mais importante que o passado, porque é nele que está a sua vida. E lembre-se: Uma pessoa está morta, não só quando para de respirar. Quando uma pessoa transforma-se em recordações, lembranças, ela também está morta.


Edson Carmo

32 comentários:

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Foi muito bonita e profunda sua mensagem.
Vou repassar para uma amiga. ela dizia que queria ter forças para perdoar...

excelente, como sempre!
boa semana

jair machado rodrigues disse...

Olá Edson, meu bom amigo, tens sempre a palavra certa, e com isso aprendo e procuro me aperfeiçoar mais, já que sou um filho perfeito de Deus (aprendi contigo). A mágoa realmente é isso que dizes, devemos perdoar sim, mas perdoar de verdade , porque dizer da boca para fora é mais fácil, acredito que se perdoa alguém, quando nos perdoamos a nós mesmos, extinguindo a mágoa, então poder viver o prazer e a verdade do presente.
ps. Grande abraço e que Deus sempre nos guarde.

Eduardo Medeiros disse...

É isso mesmo, Edson. Mágoas de coisas que já aconteceram só fazem mal a quem a sente e a alimenta.

abraços

A Flor do Sul - Perah Hadarom disse...

Boa!

Esta reflexão de hoje me faz repensar as bases de minha própria vida, Edson! Falo sinceramente, veja que no passado tentei realizar um sonho que foi impedido. Sempre eu dizia a mim mesmo, e aos outros também, que "não tenho ódio dessas pessoas, apenas mágoa".

Será que tem como arrancar de vez esse sentimento de dentro de minh'alma? Taí uma coisa que vou prestar mais atenção a partir de hoje, amigo.

Muito obrigado.

serpai disse...

Hola Edson,

sí, para que sierve la mágoa...?
Para herir los corazones... me encantó tu reflexión.
Gracias por compartir.

Te dejo saludos desde Argentina,

Sergio.

LUmeNA disse...

"Esqueça a mágoa, esqueça o passado, esteja no presente."

Quando nos sentimos incapazes de abandonar os factos do passado, ou de parar de nos preocuparmos com o futuro, lembro-me logo de uma história em que todos os elementos representam um significado mais profundo.

Um dia um homem encontrou um tigre feroz, e correu para um precipício, o tigre quase a alcançá-lo, ele agarrou-se a uma parreira com as duas mãos, descendo, e ao chegar ao meio do precipício olhou para cima viu o tigre com os dentes arreganhados, olhou para baixo, e viu outro tigre, a rugir à sua espera, acaba por ficar preso entre os dois.
Logo de seguida aparecem dois ratos, um branco e o outro preto, começaram a roer a parreira, tentou espantar os ratos, mas eles continuavam a roer a parreira, evidentemente que a parreira não iria suportar o seu peso. Naquele momento ele observa um morangueiro que cresce na parede do precipício, os morangos estavam maduros e com uma das mãos colheu um morango.

Ele pensou: com um tigre acima, outro abaixo, e com os ratos a continuar a roer a parreira, o homem comeu o morango deliciosamente.
Ele estava numa situação desesperada, mas nunca deixou de aproveitar e saborear o momento.

Esta história é sobre viver o momento. No topo do precipício estava representado o passado, é onde o homem esteve e de onde ele vem.
A base do precipício representa o futuro. É uma terra desconhecida. O futuro contém todos os seus sonhos e medos, aspirações e desapontamentos, vitórias potenciais e possíveis fracassos.
Descer pela parreira para mais perto da base, é olhar para a frente e especular sobre o futuro. O tigre na base representa para o homem, o perigo de ficar preocupado com o que está para vir, o que acontece com todos nós, de não mantermos a paz de espírito, não conseguimos dar o melhor de nós, ficamos tensos, e permitindo-nos que o tigre nos morda.
O tigre na base representa também a morte, porque nos espera no futuro, mais cedo ou mais tarde estaremos ao seu alcance.
A posição do homem entre os dois tigres representa o presente. O homem está suspenso no meio do precipício. Da mesma forma, vivemos suspensos entre o passado e o futuro.
O momento presente, o existencial é tudo o que podemos ter. Não se pode ter o passado e o futuro, um já passou e o outro está para vir. O presente está aqui e agora, incondicionalmente. Ninguém nos pode tirar, e só nós é que podemos decidir como usá-lo.
A parreira representa a vida no mundo material, da mesma forma que o homem a agarra com as duas mãos, apegamo-nos à vida física.
O homem mesmo ameaçado pelo tigre, não tem outra escolha senão descer, da mesma forma que quando nascemos não temos escolha, senão viver a vida de momento a momento. A parreira é um componente do ciclo da vida e da morte.
Os dois ratos representam a passagem no tempo. São branco e preto, simbolizam o dia e a noite, da mesma forma que o homem espanta os ratos, tentamos retardar o envelhecimento e evitar as doenças.
O morango representa a bem-aventurança, representa a energia e a vitalidade do momento presente. Está sempre aqui, sempre disponível.
Existe tanta beleza e tanta bondade em cada momento presente, pode-se dizer que o morango é incrivelmente delicioso.
Esta belíssima história, ensina-nos que quando temos dificuldade em viver o momento presente, apenas precisamos de nos perguntar:

Quais são os meus apegos?
Que apegos estou disposto a abandonar para viver a vida ao máximo?
Estou a aprender algo novo?

Logo, logo descobrirá que o presente, é um presente maravilhoso. é uma dádiva cheia de paz, é satisfação, é energia, é uma caixa de morangos deliciosos.

Tudo se resume a observar o que se está a fazer, no momento e único em que a vida realmente acontece, no Aqui e Agora.

Abraços,
Lumena

Eugenia disse...

Sabe Edson é uma pena que nem sempre consigamos perdoar, mesmo que tentamos a mágoa reaparesse e assim dói cada vez mais...
Um forte abraço.

Cris: Diário ON Line disse...

Olá Edson, eu tive q fazer outro Diário pq o antigo estava com problemas tecnicos entao estou passando para convidá-lo a participar do mais novo e seguir ele tb se possivel ;)

bjinhos
http://crisdiarionline.blogspot.com

Adh2bs disse...

Olá, prezado Edson.
Há um egoísmo cerrado no fato de guardar mágoas, porque a falta de perdão não deixa de ser um ato egoísta; supor que a desfeita que alguém lhe fez não possa ser relevada. No entanto, há coisas muito difíceis de perdoar, precisa-se muito desprendimento e uma nobreza de alma que pouca gente tem... (Inclusive eu).
Forte abraço,
Adh

Edson Carmo disse...

Querido amigo Alexandre Mauj Imamura Gonzalez,

De fato o texto está repleto de beleza e significado. Por favor, passe para quantas pessoas quiserem. Obrigado por seu apoio e incentivo!

Bom final de semana. Aceite um abraço do amigo,

Edson Carmo

Edson Carmo disse...

Olá meu bom e querido amigo Jair Machado Rodrigues!

Tudo que fazemos só vale a pena quando é de verdade. Tudo que não é de verdade é apenas ilusão – uma tremenda enganação.

Gosto muito do que falas. Obrigado!

Bom final de semana. Aceite um abraço do amigo,

Edson Carmo

Edson Carmo disse...

Querido amigo Eduardo Medeiros,

É isso aí! Mágoa só prejudica o magoado!

Obrigado por seu comentário.

Bom final de semana. Aceite um abraço do amigo,

Edson Carmo

Edson Carmo disse...

Querido amigo Hakime,

A mágoa é a dor e o estrago que fica, após se machucar uma ferida. Mas a mágoa não é uma dor e um estrago no corpo físico! Ela é uma dor e um estrago na alma. Como tratamos as feridas do corpo? Como as feridas do corpo cicatrizam? Faça algo semelhante às feridas da alma. Ninguém pode magoar uma cicatriz.

Obrigado por sua participação.

Bom final de semana. Aceite um abraço do amigo,

Edson Carmo

Edson Carmo disse...

Hola Querido amigo Sergio!

A mágoa só serve para impedir a cicatrização da ferida ou das feridas da alma. Obrigado por sua participação.

Gracias e bom final de semana. Aceite um abraço do amigo,

Edson Carmo

Edson Carmo disse...

Querida amiga Lumena,

Seu comentário é digno de virar um post.

Obrigado, bom final de semana. Aceite um abraço do amigo,

Edson Carmo

Edson Carmo disse...

Querida amiga Eugenia,

Um eficaz remédio para destruir as mágoas, são os ensinamentos de Jesus. Foram esses ensinamentos que curaram as feridas da minha alma. Agora não há mais feridas a quem possam magoar.

Obrigado por sua contribuição, bom final de semana. Aceite um abraço do amigo,

Edson Carmo

Edson Carmo disse...

Olá querida amiga Cris!

Ok, obrigado pela informação e o convite.
Bom final de semana. Beijinhos do amigo,

Edson Carmo

Edson Carmo disse...

Olá, prezado Adhemar!

O reconhecimento já é um grande passo. Saber da enfermidade remete a cura...
Obrigado por seu comentário tão enriquecedor.

Um bom final de semana e aceite um forte abraço do amigo,

Edson Carmo

LUmeNA disse...

Edson Carmo,

Grata pelo incentivo.
Já lá está em post.

Bom final de semana e um abraço forte da amiga,

Lumena

Edson Carmo disse...

Ótimo Lumena! Óptimo!!!

Edinelson Lopes disse...

Graça e Paz querido irmão.

Acabo de conversar com duas senhoras sobre perdão, estava dizendo a elas que esperamos e só nos contentamos com respostas extravagantes para quase tudo, inclusive para resolver problemas de... mágoa!

Mas Jesus vem e calmamente diz: Sei de algo que resolverá este seu problema para sempre, para sempre!

Então alguém pergunta: O que preciso fazer ó Senhor? - e segue - Devo chamar a pessoa que me magoou para esclarecer os fatos? Devo ignorá-la? O que devo fazer?

Jesus, então levanta os olhos para o céu e depois, olhando para o jovem que lhe fazia perguntas responde: Perdoe.

O Jovem então sai insatisfeito pois esperava uma solução que fizesse "justiça" para a dor que estava sentindo.

Esta ilustração (não está na bíblia) tenta mostrar como as pessoas esperam grandes soluções quando, na verdade, obedecer é a única que dá 100% certo.

Forte abraço, em Jesus, que nos perdoou grandemente.
sigaomestre.blogspot.com

Edson Carmo disse...

Querido amigo Edinelson Lopes,

Jesus sempre vai mandar perdoar, que é o mesmo que perder os lixos que são jogados dentro de nós.

Obrigado pelo comentário. Aceite um grande abraço do amigo,

Edson Carmo

A Flor do Sul - Perah Hadarom disse...

É sim, tenho que tratar das feridas da alma, como fossem feridas físicas, pois de certa forma são (no coração, háhá!).

Bom domingo. Au revoir.

Edson Carmo disse...

Bom domingo amigo Hakime!

fénix renascida disse...

Agora entendo o teu comentário no meu blog, que nada tinha a ver com o tópico...
Percebo o que dizes, Edson, mas não posso concordar contigo! Isto, porque o ser humano não é uma tábua raza, e, por conseguinte, guarda na memória o passado.
Costumamos dizer que tristezas não pagam dívidas, mas uma mágua deixa, muitas vezes, marcas profundas.
Ultrapassada essa mágua, e ainda que ela reste na nossa memória, seguimos em frente. O passado não fica para trás: segue connosco, faz parte de nós. Orienta-nos, pois é pela experiência do que vivemos que tomamos decisões mais ou menos acertadas, sempre em busca de um novo caminho.
Cada dia é único, mas muito fugaz. Porque o momento que é de agora transforma-se, quase de imediato, em passado.
Por isso, CARPE DIEM!

Edson Carmo disse...

Querida amiga Fenix,

Existem o conhecedor, o conhecido e o conhecimento. Existe algo além dos três que testemunha os três. E é deste que estou falando. Então pergunto: “Qual a mágoa que ele pode misturar-se?” Se ele vê a mágoa acontecer, então ela está separada dele, ela não é ele. Mas lhe entendo, sei que você não poderá concordar com nada do que digo, porque não falo de coisas num nível que você anda não alcançou.

Agora quero agradecer-te pela oportunidade que nos trouxe de um mais profundo esclarecimento e entendimento. Aceite um abraço do amigo,

Edson Carmo

Graça disse...

Olá, amigo!!!

A paz de Deus para vc, meu querido!Que delícia é viver sem essa coisa, esse ranço horroroso chamado mágoa! Se as pessoas soubessem como é bom, como alivia, como nos transforma, como nos traz liberdade...ah, não hesitariam um só momento para jogar fora tudo quilo que não serve e que faz mal!
Dia desses, conversando com meu filho, que foi enormemente prejudicado pelo patrão, ele me disse:- mãe, não sei se sinto raiva dele ou pena - palavras dele. Ao que respondi:-na minha opinião, vc deve perdoá-lo, porque se sentir algo como raiva por exemplo, esse sentimento não vai atingi-lo, e sim a você! Agora, se conseguir perdoá-lo, aí sim o beneficiado será vc!!
Ele me olhou com os olhos brilhando e vi que me entendeu, Edson. E agora lendo sua postagem vejo que a reflexão é a mesma...
que bom! Eu sei porque isso acontece, é pq falamos a mesma língua e a mesma linguagem, não é, meu querido amigo?

Hoje estou aqui tb para convidá-lo a celebrar comigo a Vida, pois faço anos e vc está especialmente 'intimado' a comparecer.
Te espero, mesmo que amanhã.
Um grande e forte abraço, muita paz, e muita Vida!!!

Edson Carmo disse...

Que surpresa boa e agradável, minha querida e mui amiga Graça!!!!! Tu vens não só trazendo paz de Deus, mas também alegria! Seja muito bem vinda!!!

Muito obrigado pelo belíssimo comentário. Desejo desde já o melhor de Deus para todos os dias que você ainda tem. Que Deus derrame sobre ti toda sorte de benção espiritual até o material, alcançando assim todos os seus relacionamentos na Vida.

Vou sim, obrigado também pelo convite...

Um grande e forte abraço, muita paz, e muita Vida!!!

Do seu amigo,

Edson Carmo

manosca disse...

Obrigada por existir.
Sua alma é linda.
mara

Edson Carmo disse...

Ah Mara, que bom se deparar com isso que leio! Eu também sou um espelho, o espelho no qual você si viu. Portanto, tens a alma mui bela. Obrigado por estar aqui!

Aceite um abraço do amigo,

Edson Carmo

Cantinho She - Sheila Mendonça disse...

Simplesmente bravíssimas as palavras, é a mais pura verdade, embora algumas mágoas sejam mesmo demasiadamente difíceis de serem digeridas, mas é pura inteligência deixá-las no lugar dela que é lá no passado, e de preferência um passado bem distante que não permita volta... sensacional!
Beijo, beijo! ;)

Edson Carmo disse...

Querida amiga Sheila Mendonça,

”é pura inteligência deixá-las no lugar dela que é lá no passado, e de preferência um passado bem distante que não permita volta...”

Adendo maravilhoso, obrigado! Sensacional!

Beijo, beijo! ;) do amigo,

Edson Carmo