quarta-feira, 30 de março de 2011

A EXPERIÊNCIA QUE ESTÁ ALÉM...


Estamos sempre diante de fenômenos. A maioria se faz perceber pelos nossos sentidos. Tomemos o exemplo do fogo. Quando o fogo está queimando a madeira, percebemos a claridade, os olhos estão em atividade; percebemos o calor, o tato está em atividade; percebemos o cheiro, o olfato está em atividade; percebemos o som das chamas consumindo a madeira, a audição está em atividade. Deveria estar acontecendo apenas isso, mas não! Deveria haver apenas o objeto e o seu observador. Mas não é só isso...

O cego pode perceber parte desse fenômeno, ele pode sentir o calor, o cheiro, o barulho... Mas ele não pode ver a imagem, não pode ter a experiência da imagem, então alguém diz: “você está perdendo, deixando de ver o espetáculo, as cores lindas que tem o fogo” – e isso o faz sentir-se incompleto. Uma outra percepção tem o surdo, ele pode ver o clarão, o cheiro, o calor, mas permanecerá alheio a experiência do som que ali está.

Quando um fenômeno está se desenrolando, algumas coisas podem ser percebidas e outras podem ser perdidas. Além do fenômeno, não são só os sentidos que estão funcionando! Está ativo o prazer ou o incomodo, porque há o que acha bonito; o que acha feio. Há o que sente atração e há o que sente repulsão. Há o desejo; há a rejeição. Há o que pode ver e o que deseja ver e não pode...

O cego não pode sentir prazer na imagem, ele está impedido de vê-la. Igualmente, o surdo não pode ter prazer no som, o som está separado dele. Nada disso seria ruim se fosse encarado como um fato. Mas como a coisa é encarada como um problema, então surge o sofrimento. Assim, diante dos fenômenos há sofrimento, por falta de discernimento, entendimento.

Edson Carmo

8 comentários:

Luana disse...

Olá,meu querido amigo!!!

(Não sei se estou fazendo um julgamento correto,mas vamos lá!!rsrs)

Talvez a falta de entendimento e discernimento se dê pelo modo com que tais fenomênos são apresentados.Pois muitos,(não todos)por falta de coerência,transformam o BELO em algo horrendo,assustador,rs...
Agora pense comigo:
No mundo onde a maioria das pessoas sobrevivem ao invés de viver,porque,pois;acrescentariam mais sofrimento às suas vidas?



(Esse texto me fez lembrar um trecho biblíco que meu avô A-MA-VA!!rs...MC:1-2,3)

E,antes que eu me esqueça,recebi teus e-mails,rsrs.Desculpa por não tê-lo dito antes.MUITO OBRIGADA,PELO CARINHO E AMIZADE a mim direcionados.

Tenha uma ótima tarde!!!

Edson Carmo disse...

Olá, minha querida amiga Luana!!!

Há fenômenos miméticos, coisas que parecem que são, mas não são. O erro se dá pela interpretação e não pela observação; pelo olhar da mente, e não pelo olhar da consciência.

As pessoas acrescentam sofrimentos as suas vidas, porque os sofrimentos lhe dão algo em troca. Há sofrimentos que chegam a trazer ombro, colo, presentes, atenção...

Que lembrança bacana que você tem do seu avô. Ai de mim se não fosse meus pais que me ensinaram a bíblia.

Obrigado pelo comentário, pelo retorno sobre o e-mail e também por seu carinho que se faz sentir.

Tenha uma ótima tarde!!! É o que deseja seu amigo,

Edson Carmo

Luana disse...

Vovô era um homem extraordinário,educado,muito compreensivo,graças a ele,minha infância foi a melhor possível!!!
Eu costumava passar os finais de semana na casa dele.E,como era evangélico,me levava sempre à igreja,rsrs...
Faz treze anos que ele se foi e a última vez que o vi com vida,foi na igreja tbm.(estava de passagem na cidade que ele morava e fui procurá-lo em casa.Como não o encontrei,fui até a igreja,Assembléia de Deus.Achei ele lá!!!!
Ele era um moreno tão bonito e forte,e quando o vi, quase nem acreditei,estava tão magro e pálido por causa das doenças que lhe consumia...

Apesar do tempo que passou,sinto muita saudade dele,mas me conforto em saber que ele está num bom lugar,e as lembranças dos bons momentos que passei com ele,me fazem feliz até hoje.

Wevertton disse...

Isso mesmo! As pessoas acrescentam sofrimentos as suas vidas! Mas enfim, muito bom o texto!!

Abraços e passa la quando puder ;-)

Edson Carmo disse...

Querida Luana,

O corpo é apenas o instrumento por onde o espírito se comunica, se relaciona... A verdadeira relação de amor, é essa que entra e fica no campo da boa lembrança, essa que fica eternizada como bem.

Veja! Porque você amou seu avô, agora ele vive para sempre em você. O corpo dele desapareceu, mas ainda assim ele está ligado a você. Quando você ama uma pessoa, você entra na eternidade com ela, o relacionamento não é do tempo, é atemporal, não há morte.

O corpo de quem você ama um dia desaparecerá, mas isto não fará nenhuma diferença. Se o desaparecimento do corpo fizer alguma diferença, isso simplesmente mostrará que o amor não aconteceu. O amor é algo além do corpo. O corpo vem e vai, o amor permanece. O amor contém a eternidade nele – o amor é atemporalidade, imortalidade.

Grato pelo merecimento que você me da, esse de ler um pouco da sua história.

Um grande abraço do amigo,

Edson Carmo

Edson Carmo disse...

Querido amigo Wevertton,

Isso é o que chamo de sentir dor da dor, um sofrimento desnecessário.

Grato por sua participação.

Abraços do amigo,

Edson Carmo

NOEMI disse...

olá!!Edson.
obrigada pelo carinho.
ja passei alguns e-mails mas nao obtive resposta.
QUERO MUITO aprender com vcs.
ESCOLA DE SIGNIFICADOS.
ME ORIENTE SOBRE COMO FAZER.
OBRIGADA.
manosca_@hotmai.com

Edson Carmo disse...

Olá!!! Querida amiga NOEMI.
Grato por sua atenção e carinho!!! Não sei o que houve com seus envios. Fiz uma pesquisa em minha caixa de e-mails e de fato não recebi suas mensagens. Diariamente recebo muitos e-mails, e tenho o cuidado de respondê-los um por um.

Quero dizer a você que é uma honra, um prazer, compartilhar nossas experiências com você e com todos aqueles que nos procuram. Fique a vontade!

Bem, a ESCOLA DE SIGNIFICADOS é uma escola que trabalha na investigação de cada palavra: sua etimologia, seu significado teológico, filosófico, psicológico, metafísico, cientifico, esotérico... Visamos encontrar o impacto, o poder, o processo que desencadeia cada palavra. Investigamos cada uma delas como antecedentes; o seu caminho desde o Silêncio: som, palavra, pensamento... Temos um grupo no Castelo Encantado (Base do Projeto INDO) e também conversamos na forma de satsang pelo gmail.

Entre em contato comigo através do endereço eletrônico que segue:
edsonantonioferreira@gmail.com

Um grande abraço do amigo,

mestre Edson Carmo - Escola de Significados
http://escoladesignificados.blogspot.com/